RSS

Emprendedorismo e Negócios

22 Nov


Quais são os primeiros passos para estruturar uma rede de franquias?

A decisão de expandir a rede por meio do franchising deve estar ancorada em um planejamento estratégico
Por Ricardo Bomeny*

“Estou assumindo a gestão de uma confecção, em que trabalho há dez anos. Gostaria de formar uma rede de franquias com a marca. Por onde posso começar? Vocês acreditam que o negócio é viável?”
Rafael Barreto

Prezado Rafael,
Primeiramente, devo lembrá-lo que optar por crescer com a implantação de uma rede de franquias, como um novo canal de vendas, é uma opção estratégica que necessariamente requer total alinhamento com todas as áreas da empresa, do RH ao financeiro, envolvendo, principalmente, as áreas de marketing, produto e comercial.

Além de ter esse alinhamento estratégico, esse caminho tem de estar fortemente suportado por uma determinação da alta gerência, pela diretoria e seus sócios/acionistas. Sem tudo isso sua iniciativa enfrentará forças que poderão comprometer enormemente o sucesso de seu plano.

Uma vez superado esse passo, do alinhamento estratégico, você deverá detalhar essa ação em um plano de negócios, que o sistema de franquias denomina “análise de franqueabilidade”.

O processo de análise de negócio é necessariamente multidisciplinar. Ele envolve toda a estrutura da empresa e carece da utilização de inúmeras metodologias de planejamento estratégico, como análise de macro ambiente, de indústria, de portfólio de produtos e de estudos de viabilidade econômica e financeira, entre outras, para sua apropriada execução.

A “análise de franqueabilidade” propriamente dita é uma forma de análise de negócio. Para ser efetiva, carece de uma sistemática, passo a passo (veja a figura abaixo), ampla, ordenada e concatenada, que conduz a empresa à reflexão sobre si mesma, seu negócio e objetivos de longo prazo dentro do sistema de franquias. Dessa forma, será possível obter, como resultado desse esforço, a melhor resposta possível para esse engajamento.

Fonte: “Como analisar a Franqueabilidade de Seu Negócio”, TCC MBA FIA de Gestão de Franquias, Luis Henrique Stockler e Artur Grinberg
Falando especificamente sobre o segmento de franquias de moda e confecção, são inúmeros os exemplos de sucesso que podemos encontrar com várias centenas de franquias implantadas. No entanto, também especificamente nesse segmento, recomendo alguns cuidados adicionais no momento de elaboração de seu plano. São eles:

a. Definição de como tratar o “conflito” com outros tradicionais canais de vendas de confecções;

b. Manutenção das margens do varejo em patamar suficiente para o sucesso dos futuros franqueados, principalmente se a opção pelo crescimento for dentro de shopping center;

c. Real suporte à escolha e negociação dos pontos comerciais dos franqueados.

Somente desta forma você obterá êxito nesse caminho: conhecendo seu real potencial, podendo analisar seus riscos e oportunidades, sem arriscar cegamente seu futuro e o de outros empreendedores, os seus futuros franqueados. Tudo isso muito antes de vender sua primeira franquia.

Como última recomendação, para quem quer franquear seu negócio, recomendo, dentre os curso oferecidos pela ABF, o CAF (Conhecimento Avançado de Franchising) e o MBA de Gestão de Franquias, da parceria entre a ABF e a FIA/PROVAR.

Bom trabalho, bom estudo e sucesso.

*Ricardo Bomeny é diretor presidente da Associação Brasileira de Franchising

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 22 de Novembro de 2010 em Empreendedorismo

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: